Scrum e Kanban: Saiba como essas Técnicas são aplicadas na Accurate Blog Accurate

Scrum e Kanban

Scrum e Kanban: Saiba como essas Técnicas são aplicadas na Accurate

Scrum e Kanban são ferramentas de gestão de projetos muito utilizadas nos dias de hoje por conta de sua eficiência e benefícios. 

Ambas as ferramentas possuem sua origem e formação baseadas em Fundamentos e Método Ágil. 

Elas são as ferramentas mais utilizadas em processos de desenvolvimento, e podem trazer não só eficiência como uma série de benefícios para a equipe e para o produto final. 

Acompanhe esse material e entenda mais sobre Scrum e Kanban e também como a Accurate utiliza as técnicas nos seus processos.

Scrum e Kanban, entenda

Ambas as metodologias citadas são utilizadas para a gestão de projetos de desenvolvimento, para garantir eficiência e agilidade nos processos.

O surgimento do Scrum

O Scrum que faz parte da Metodologia Ágil tem sua origem comumente associada aos princípios do Rugby (Futebol Americano):

  • Todos se ajudando 
  • Criando jogadas 
  • Colaboração 
  • Criando ações 
  • Vencendo desafios 
  • Momentos de interação

Contudo, por mais que os princípios sejam parecidos, o Scrum tem a sua base no Japão mais especificamente em 1986.

No ano em questão, dois pesquisadores Japoneses da Universidade de Harvard: Hirotaka Takeuchi e Ikujiro Nonaka, escreveram um artigo para a revista Business Review.

Foi apresentado no artigo a observação de três empresas: Fuji, Canon e Honda, onde identificaram características de jogada com “time unido”.

Na época em questão todos buscavam processos inovadores para criar produtos com ciclos mais rápidos e curtos.

Contudo, incidentes catastróficos como o desastre do ônibus espacial Challenger nos EUA e o acidente Nuclear de Chernobyl meio que apagou o brilho das pesquisas.

Mas isso não impediu que a ideia fosse distribuída no mundo, a Toyota era uma empresa que já utilizava metodologias ágeis.

O surgimento oficial do Scrum se dá em 1993 através de Jeff Sutherland e Ken Schwaber que aplicaram os conceitos da EASEL.

Ao observar o fato, de que empresas japonesas desenvolviam e entregavam produtos em 3 meses, e as dos EUA em 6 meses, Ken em 1995 criou o Paper Scrum. 

Ou seja, ele dá origem ao Scrum Guide, um guia de Scrum onde definiu o modelo de trabalho que até hoje é utilizado. 

Tendo primeiro as Cerimônias com PO e Scrum Master com Sprint Planning e Sprint Review.

Junto disso há a utilização da prática Shu (Estudante) Ha (Especialista) Ri (Mestre), de desenvolvimento de habilidades.

E todos esses processos acabam sempre por englobar os princípios do PDCA – Planejar, Executar, Validar e Corrigir.

Consolidação com o Manifesto Ágil

Com o tempo a ideia do Scrum foi consolidada e isso culmina na Assinatura do Manifesto Ágil em 2001.

O Manifesto estabelece 12 princípios ágeis para o desenvolvimento de produtos, com quatro principais:

  • Torne as Pessoas Sensacionais 
  • Experimente e Aprenda
  • Segurança é Pré Requisito
  • Entregar valor a todo instante

Além disso, o Manifesto Ágil definiu que deve se dar mais valor à indivíduos e interações, ao software funcionando, à colaboração do cliente e o respeito às mudanças. 

Tudo isso para diminuir a atenção e o foco em processos e ferramentas, documentações abrangentes, negociações de contratos e seguir um plano ou fluxo de processos.

Com esses fundamentos as empresas implementaram nos processos:

  • 10% do tempo para as cerimônias;
  • Mínima documentação;
  • Alta importância das pessoas e comunicações entre elas;
  • Maior Foco no cliente e participação direta;
  • Uma entrega frequente e de valor esperado e conhecido pelo cliente.

Valores do Scrum e como se pensa Ágil?

O primeiro valor é o fato de que não há chefes, mandando e cobrando, mas sim compromisso para cumprir o combinado com o foco sempre no objetivo.

Sendo seguido pela abertura de espaço para que todos os envolvidos possam falar sobre o seu trabalho, dificuldades e pontos a serem desenvolvidos.

É essencial que haja o respeito e a manutenção da vontade de vencer entre os colaboradores, somado à coragem para fazer a coisa certa e entender que erros acontecem. 

O pensamento ágil tem como princípio geral possuir uma equipe autogerenciável e motivada, trabalhando as atividades em dois estágios: em desenvolvimento ou concluída.

Pensar ágil não quer dizer ser o mais rápido, mas sim ser capaz de a todo o momento criar soluções e caminhos para os desafios e obstáculos do processo. 

Papéis, Responsabilidades e Atribuições no Scrum

São três os principais papéis dentro do Scrum: Scrum Master, Product Owner e Time de Desenvolvimento.

Scrum Master – Técnico do Time

O Scrum Master será o responsável pelas seguintes funções dentro do processo de Scrum de uma equipe:

  • Eliminar Impedimentos dentro do processo;
  • Promover um bom ambiente de trabalho;
  • Treinar o time em uso de técnicas de Scrum;
  • Garantir que as cerimônias ocorram;
  • Compreender as necessidades dos membros do time;
  • Estar presente, ser neutro e bom ouvinte;
  • Guardião dos Métodos Ágeis.

Lembrando que não se pode confundir o papel do Scrum Master com o Gerente de Projetos, cada um tem um papel e função diferente.

Product Owner, PO

Já o Product Owner, uma das peças mais importantes dentro do processo, e assume as seguintes responsabilidades e atribuições dentro dele:

  • Cuidar do Momento de lançamento;
  • Ligado para atender às demandas de mercado;
  • Gerencia o portfólio do produto até financeiro;
  • Gerencia as partes interessadas (stakeholders);
  • Ajuda no Sprint Planning e PRIORIZAÇÃO (PlanItPoker pontuação – definição de horas);
  • Visão: o que precisa ser construído, escrito de maneira clara do produto que será criado na Sprint;
  • Product Backlog: dono da lista das funcionalidades para time de desenvolvimento efetuar estimativas,quebra o backlog em partes menores, com apoio do time na cerimônia de refinamento (grooming).

Time de Desenvolvimento

Nas mãos do Time de Desenvolvimento ficam as seguintes atribuições:

  • Executar o projeto;
  • Criação, elaboração e desenvolvimento do produto;
  • Informar impedimentos;
  • Receber feedback das entregas;
  • Entregar valor;
  • Motivar em busca da meta da Sprint;
  • Autogerenciado – comprometimento grande em entregar o objetivo do Sprint (não precisam do chicote).

Além dos pontos acima, o time de desenvolvimento é Multidisciplinar com profissionais de Java, Analista de Business, Hardware e Analista de Testes.

E também deve ser uma equipe relativamente pequena para ser capaz de cumprir os objetivos com uma média de 7 a 9 pessoas.

Grooming, Refinamento do Backlog

O Grooming é um processo de extrema importância e que acontece diariamente em processos de Scrum, mesmo que não levando esse nome.

Ele é uma forma de preparar os itens de Backlog das Sprints futuras adicionando mais detalhes através de mais tasks no Backlog Product.

Além disso, é possível estimar e priorizar tarefas mais importantes para o processo.

De duas em duas semanas o DEV sem o PO realiza uma revisão dos códigos, detalhamentos técnicos e revisão de boas práticas. 

Há também uma revisitação com o cliente semanalmente junto com o PO e UX, onde se define protótipos e o refinamento das funcionalidades. 

Para garantir a saúde dos projetos é essencial inserir o Grooming como forma de melhorar a ação de priorização no planejamento da próxima Sprint.

Equipe Auto gerenciável e Scrum Master, pontos essenciais do Método Ágil

O sucesso em Métodos ágeis se dá por conta de não haver um “Senhor do Time”, as equipes auto gerenciáveis são então um grande triunfo do mesmo.

Através disso, é possível conseguir maior produtividade no time, uma vez que esse fator não se consegue com voz autoritária de comando e no chicote, como se acreditava.

A produtividade é garantida quando há confiança, um ambiente agradável de se trabalhar e com clareza nas relações de comunicação.

Em equipes auto gerenciáveis um confia no outro do time e a partir disso, demonstram para o PO em cerimônia de Sprint Review o que foi feito.

Papel do Scrum Master na Equipe

Nesse processo o Scrum Master é quem ensina os princípios e valores do Scrum para o seu time e assume um papel de Líder Servidor como no livro O Monge e o Executivo.

Ele também utiliza a persuasão para que o time siga as suas palavras e o que ele ensina.

Nas Reuniões Diárias – Daily Scrum Meeting deve escutar e dar feedbacks individuais recolhendo as respostas do time para as seguintes perguntas:

  1. O que fez ontem
  2. O que tem para hoje
  3. O que relata como Impedimento

Cabe ao Scrum Master fazer o time entender os benefícios do uso do Kanban. Mas atenção, pois não é uma relação de um manda e outro obedece.

Ele deve ser então não só um Líder Democrático como um facilitador onde inspira a transparência para a equipe quanto ao andamento do projeto.

Fica à sua responsabilidade a remoção de impedimentos assim como procurar oportunidades de contribuições.

Todas as suas ações são para garantir que o time chegue no Sprint Review com o produto pronto, vendo e seguindo o principal interesse do time assim como deixando-os falar.

Entre as características do Scrum Master estão:

  • Garantir o processo;
  • Cuidar do DEV Team;
  • Atuar em conflitos;
  • Dominar o ambiente;
  • Disponível e desejado;
  • Permitir o time falhar (errar), e quanto mais rápido identificar o erro, melhor, uma vez que isso na visão do cliente é produto com mais qualidade;
  • Valorizar o ritmo da Sprint;
  • Ter o poder do silêncio;
  • Atuar como Coach.

Atuando nos Impedimentos

Como dito anteriormente, na cerimônia de Daily Meeting o Scrum Master deve trabalhar para eliminar os impedimentos.

Nos métodos tradicionais ele teria que fazer uma solicitação de mudança (change request) de Escopo, Custo e Prazo, contudo isso mudou.

Lembrando que para os impedimentos a ação não precisa acontecer somente na Daily, pode acontecer conversas com o time fora da Daily Scrum.

Além disso têm-se os seguintes pontos:

  • Impedimentos são informados pelos membros do DEV Team;
  • É preciso usar a meta do Sprint para saber se terá impacto para alcançar o objetivo do Sprint;
  • Não pode haver dúvida sobre a Estória do PO, é preciso que tudo esteja esclarecido;
  • Colocar o que for bloqueio, que deixa o membro do Dev Team parado;
  • Colocar o que for impedimentos, falta de esclarecimentos, entendimento melhor de alguma funcionalidade e atividade;
  • Colocar tudo no Kanban de Pontos de Atenção.

Gestão Ágil com GitLab e Kanban na Accurate

A Gestão Ágil dos projetos consiste na definição de um processo básico com a composição dos papéis: Scrum Master, Product Owner e Team.

Define-se também a estrutura de controle e entregas com o Product Backlog e Sprint Backlog.

Todo esse controle e acompanhamento sendo realizada através de 3 cerimônias principais:

  • Daily Scrum (Reuniões diárias)

Onde o foco é “O que você fez ontem?”, “O que vai fazer hoje?” e “Algum problema está impedindo você de realizar seu objetivo?”

  • Sprint Planning Meeting (Reuniões semanais às segundas feiras)

Com duração de duas horas a Accurate divide essa reunião em duas partes, uma com a participação do Product Owner e outra só com a equipe.

A primeira hora tem como objetivo fazer o report sintetizado das atividades da semana anterior (feita pelo Scrum Master) e depois definir o que entra para o próximo Sprint.

Já a segunda hora é destinada para a organização, priorização e definição do Sprint Backlog.

  • Sprint Review Meeting/Revisão da Sprint e Sprint Retrospective/Retrospectiva da Sprint (Reunião também semanal às sextas feiras)

De início essas reuniões serão feitas em conjunto com duração de uma hora.

Primeiro, na “Revisão da Sprint” há um foco no report do trabalho que foi concluído e não concluído, assim como o planejamento de recuperação do final de semana, se necessário. 

Na “Retrospectiva da Sprint” o foco é em responder e documentar as seguintes questões: “O que correu bem durante este Sprint?” e “O que poderia ser melhorado na próxima Sprint?”.

Gestão de Projetos na Accurate

Na Accurate em todos os projetos são realizados armazenamento de todos os insumos e artefatos dele em repositório GitLab.

Todas as atividades são colocadas dentro das Issues e no Controle de Kanban com as tabelas de To Do, Doing e Closed.

Visão completa dos releases através dos marcos (Milestones), assim como utilização das etiquetas (Labels) para entender as complexidades dos processos.

Dentro do GitLab há uma adaptação do Kanban para as equipes com as seguintes listas:

  • Abrir – Backlog Product
  • Estórias
  • To Do
  • Documentation
  • Doing
  • CodeReview
  • QA
  • Done
  • Closed

Dentro dos marcos (Milestones) há a definição do que é a função dos envolvidos: UX, Frontend, Backend, Devops, Funcionalidade, Teste Funcional e BUG.

Com essas ferramentas há não só controle e acompanhamento, como garantia de que a Metodologia Ágil está sendo colocada em prática.

Quer saber mais sobre Scrum e Kanban?

Acompanhe esse treinamento exclusivo, sobre conceitos e práticas de Scrum e Kanban.

Conheça a Accurate e todas as técnicas empregadas além do Scrum e Kanban

Na Accurate há sempre uma preocupação com inovação e processos que garantam não só a qualidade como a eficiência das soluções oferecidas.

Somado a isso há a preocupação com o desenvolvimento dos colaboradores da empresa e com o melhor ambiente de desenvolvimento. 

Por isso se você é profissional da área de tecnologia, desenvolvimento e áreas afins e quer fazer parte do time Accurate, acesse o nossa página de carreiras.

Não deixe também de acompanhar as atualizações do Blog da Accurate e das Redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter, Linkedin e YouTube.

Indicação de leitura: Scrum e Agile Em Proj. Guia Completo – 02Ed/18 – Brasport Livros

Compartilhe esse conteúdo, e se tiver alguma dúvida ou sugestão deixe o seu comentário abaixo!

Autor

Mauricio Tadini
Mauricio Tadini
Gerente de Projetos e Scrum Master. Perfil profissional construído nas diversas áreas de Tecnologia da Informação, com foco na otimização do negócio. Atuei como Gerente de TI aprimorando a minha experiência na organização de processos e recursos para otimizar a prestação de serviços de TI, controle orçamentário e indicadores de resultado. Comprometido com resultados e entregas no prazo e com qualidade de projetos em tecnologia com Oracle Cloud, E-Commerce, Mobile, CRM, ERP, SCM. Busco eficiência e trabalho apoiando-se em tecnologias emergentes com foco em inovação, prática PMI e metodologias Ágeis, OKR, Lean, Scrum e Kanban para os alcances das metas. Líder experiente na coordenação, formação e desenvolvimento da equipe com forte visão para alcançar reconhecidos resultados. Vivência em vários projetos da iniciativa privada e de setores públicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *